Archives julho 2014

Conheci esse desenvolvedor a  mais ou menos 1 ano, quando procurava por um bom plug-in tipo Channel Strip que me desse uma boa opção para coloração sonora, e tivesse uma opção para um som mais limpo também. De cara achei o NastyVSC.

Aos poucos fui testando os plug-ins da Variety Of Sound e gostando muito dos resultados obtidos.

Meu objetivo com essa postagem é compartilhar com você ferramentas profissionais gratuitas, mas sem perder a qualidade.

Você vai se surpreender com a qualidade desses VSTs.

BaxterEQ – shelving EQ com som transparente para mix e masterização

BaxterEQ

O que ele faz?
O BaxterEQ é um EQ shelving incrívelmente suave.
Dicas e truques

  •  Para facilitar o fluxo de trabalho é recomendado iniciar sempre no modo L/R, com  os dois canais ‘linkados’ em conjuntos ‘setados’ para aplicar os cortes conforme necessário.
  •   Então, desvincular os dois canais L/R, alternando para o modo mid-side para refinar sua equalização por canal, e ajuste o controle de volume de saída por canal também.

Ressources (Em inglês)

BootEQ mkII – EQ com sonoridade musical para mixar

BootEQ mkII

O que ele faz?

O BootEQ mkII  é um simulador combinando equalizador e pré-amplificador  que proporciona alguns efeitos de coloração agradável e musical de sinal.

Dicas e truques

Ressources (Em inglês)

Density mkII – Compressor BUS suave e versátil.

Density mkII

 O que ele faz?

Density MKII foi designado para trabalhar em uma típica situação de grupos de canais estéreo ou em uma mix inteira, para somar e colar todas os elementos de forma discreta.

Dicas e truques

  • Use o limiter para gerenciar dinâmicas de áudio difíceis, ele não funciona como um brickwall, foi projetado para oferecer um tratamento mais rigoroso da dinâmica.
  • Utize as função RANGE para cada canal, enquanto trabalha no modo M/S, obtendo de forma mais fácil uma compressão mais certeira.

Ressources (Em inglês)

NastyVCS – Virtual console strip

NastyVSC

O que ele faz?

Construído em torno de uma  nova unidade de compressão estilo opto-elétrico, NastyVCS oferece tudo que você precisa para dar forma a seus canais de dinâmica e de tons. Ele oferece um estágio de entrada dedicada com saturação “crunch” de um pré-amplificador e um limitador brickwall com saída de som segura. Tudo é configurado para funcionar em latência zero e assim estar disponível para acompanhar sem complicações a sua mixagem.
Dois filtros dedicados podem ser usadas em qualquer caminho de áudio ou em cadeia lateral do compressor (Sidechain), que pode ser externa também. Independente se a compressão for pré ou pós, o equalizador oferece quatro ferramentas de interações com coloração musicais bem selecionadas e curvas de som. O conceito fica arredondado por uma ferramenta de alinhamento de fase, que pode ser utilizado para fins de coloração também.

Dicas e truques

NastyVCS realmente brilha quando todas as três ferramentas de dinâmicas são devidamente combinadas. Condensar a dinâmica em algumas pequenas quantidades, mesmo no estágio de entrada, aplique um pouco de compressão suave, sem afetar os punch/transientes e deixar que o limitador coma alguns picos na saída.
NastyVCS contém uma ferramenta de alinhamento de fase, que pode ser utilizada para fins de coloração, bem como a utilização em combinação com a fase de entrada ou o compressor, ou ambos.

Ressources (Em inglês)

 

preFIX

preFIX – Tenha tudo alinhado

O que ele faz?

preFIX é uma ferramenta de alinhamento para pré-mix, tipicamente tem lugar antecipadamente no processo de mixagem. Ele fornece uma ferramenta inteligente definida para limpar, corrigir e alinhar as faixas de áudio (normalmente tomadas a partir de gravações) respeitando à correcção da frequência global, a fase de alinhamento, correções de campo espacial estéreo e roteamento. Ele contém uma solução gate/expander completo, com um dedicado e abrangente sidechain.

Ressources (Em inglês)

 Special signal processors

FerricTDS – Tape dynamics simulator

FerricTDS

O que ele faz?

Este dispositivo simula alguns efeitos dinâmicos que podem ser obtidos com alguns gravadores de fita magnética de alta qualidade.

Ressources (Em inglês)

TesslaSE – Transformer saturation simulator

TesslaSE

O que ele faz?

TesslaSE adiciona alguns efeitos de saturação suaves e agradáveis ao áudio de entrada.

Dicas e truques:

Não usar isso em uma única instância em apenas um bus ou master, mas usá-lo aqui e ali, nas inserções de canal mix, os efeitos sutis somando para obter uma mix mais consistente
Use a opção SBE para obter uma impressão mais profunda low-end.

TesslaPRO – Transient aware signal saturator

TesslaPRO

O que ele faz?

TesslaPro é um saturaor de sinal com controle de transiente embutido. Ele funciona totalmente oversampled e proporciona efeitos mais suaves de saturação.

Dicas e truques:

Envolver a chave BOOST aumenta o nível de entrada +12 dB, isto é útil se a distorção mais óbvia é procurada ou o áudio de entrada tem um nível de sinal muito baixo
Buscar os transientes e mudar para deixar a informação de áudios transitórias e intacta, use isso para obter alguns efeitos sutis.

Ressources (Em inglês)

Rescue – Analog style modelled signal designer

Rescue

RescueEA

O que ele faz?

The Rescue plug-in é um gadget que oferece envelope de amplificação de sinal e saturação em uma configuração mid/site. No modo analógico que oferece algumas alterações adicionais em sinais semelhantes ao hardware. Ele vem em duas versões: Rescue e RescueAE (edição de aniversário), este último realiza oversampling interno e adiciona uma função de saída do limitador.

Dicas e truques:

Usar o botão de WIDTH para obter alguns efeitos sutis, mas com um alargamento do material do programa estéreo natural.

Ressources (Em inglês)

Delay e Reverb

NastyDLA – Um dispositivo de chorus eco clássico com uma simulação de delay de fita.

NastyDLA

O que ele faz?

  • Clássicos efeitos de chorus e ecos
  • Coloração autêntica do sinal
  • Tape-Delay, feedback e saturação

Dicas e truques:

Use este dispositivo, tal como um efeito de inserção de áudio para tirar vantagem da saturação do estágio de entrada e da coloração para o sinal de um todo, e não apenas a porção wet.

Ressources (Em inlgês)

epicVerb – Digital reverberation simulator

epicVerb

O que ele faz?

O “epicVerb” é um dispositivo de reverberação: Simula sala pequena (Tigh small room) e simulação de efeito ambiente adequado para baterias modernas e produções vocais, até grandes “épicos” como é conhecido os salões de artes de alta qualidade.

Dicas e truques:

Em vez de usar reverberação completa, tente o modo AMBIENCE, quando as impressões room menores são necessárias, isto oferece apenas as reflexões iniciais e isso muitas vezes é o suficiente deixando sua mix mais limpa.

Ressources (Em inglês)

 

http://varietyofsound.wordpress.com

A gravação digital é agora o padrão da produção musical profissional. Mas muitos engenheiros e músicos aclamam os sons dos tempos da gravação analógica , e por boas razões .

Máquinas de fita analógica tem um som excelente, amplo, gordo , quente, profundo , rico e emocionante. Esses são apenas alguns dos termos usados ​​para descrever o que a gravação em um pedaço de fita magnética parece. Acima de tudo , a fita é MAIS MUSICAL.

Nesse Review vou falar e mostrar um pouco das funcionalidades desse maravilhoso Plug-in.

Mais detalhes: http://www.slatedigital.com/products/vtm.

Slate Digital Vitual Tape Machine - Mixando uma Música REVIEW

SE GOSTAR COMPARTILHE, ESSE É O MEU INCENTIVO!

Nesse tutorial você vai aprender como controlar vários instrumentos no Kontakt em trilhas individuais no Logic X .

Dúvida de vários amigos que me procuram aqui no blog é de como rotear os canais de áudio do sampler player Kontakt para os canais de áudio do Logic, geralmente para fazer uma mixagem usando outros processamentos como plugins ou hardwares, tendo assim mais flexibilidade na manipulação desse som.

Logic Pro - Trilhas individuais no Kontakt

 

APRENDA COMO FAZER EM OUTRAS DAWs

Studio One e Kontakt – Configurando Canais de Bateria

Kontakt: roteamento e midi para audio

 

Kontakt: Aprenda a Abrir no Pro Tools e Configurar Trilhas

O Grand Channel combina o equalizador passivo EQF-100 esculpindo o tom quente e suave com um som bem rico, e o compressor TLA-100A muito fácil de usar. Como uma adição moderna ao TLA-100A clássico, o plug-in também inclui compressão paralela, controle de saturação e filtragem de corte de graves na entrada ou no detector.

Equalizando e Comprimindo o Vocal com o Softube Summit Audio Grand Channel HD

Estas duas peças  clássicas do áudio  são o que os engenheiros  profissionais usaram por mais de duas décadas para fazer suas mixagens soar muito boas. Quando o EQF-100 e TLA-100A foram projetados, a Summit Audio se certificou de combinar o melhor do que os projetos de válvula vintage tinha para oferecer com um sentido moderno de como essas unidades devem resistir ao teste do tempo. O resultado foi notável, e hoje você pode experimentar a grandiosidade Summit Audio em formato digital, basta instalar  o Grand Channel!

O Grand Channel simplesmente traz o EQF-100 e o TLA-100 juntos em um plug-in, embora você possa ignorar  independentemente para salvar a CPU. A única outra adição é um switch de roteamento para inverter a ordem do compressor e EQ.

Os dois plug-ins individuais combinam-se perfeitamente no Grand Channel para criar um plug-in Channel Strip, que pode ser a primeira escolha que faz com que qualquer som soe melhor. Às vezes, você precisa substituir EQ de precisão ou um compressor mais rápido, especialmente para baterias, mas para tarefas gerais de mixagem,  não pode realmente dar errado com isso. É um plugin pronto para a guerra.

Pacote de 3 plug-ins:
– Plug-in do Summit Channel Grand Channel
– Summit Audio TLA-100A amp Leveling
– Summit Audio EQF-100 Plug-in de equalizador válvulado passivo
– Fácil de usar com grande alcance sonoro
– Bypass individual para cada uma das duas unidades para economizar CPU
– Possibilidade de alterar a ordem dos equalizadores e do compressor
– Cada componente cuidadosamente modelado
– Comportamento extremamente análogo de freqüências, fase, distorção, ataque, release, etc.

Mais detalhes: http://www.softube.com/index.php?id=summitgc

UltraChannel é um novo channel strip de 64-bits em formatos AU, VST, e AAX64 para Mac e PC. Grátis até 08 de julho de 2014, após essa data vai custar US $249.

Eventide Ultra Channel possui funcionalidades do H8000 no módulo micro pitch, delays estéreo com caminhos de feedback variáveis, e dois estágios de compressão, gate, e um equalizador paramétrico de cinco bandas.

Eventide UltraChannel Tutorial PT-BR

MAIS INFORMAÇÕES SOBRE COMO ADQUIRIR E TESTAR: http://www.eventide.com/AudioDivision/Products/PlugIns/UltraChannel.aspx

O Eventide UltraChannel não requer que você possua ou use um dongle iLok, mas o Gerenciador de Licença de iLok e uma conta ilok.com são obrigatórios para usar o plugin.

Para obter este plugin gratuito, use o código de cupom: 0F736710

Para prosseguir com o se download siga as instruções no link: http://eventideplugins.elasticbeanstalk.com/ultrachannel.jsp

 

Essa é uma daquelas aplicações musicais que me deixa muito contente, o blog estava fora do AR por um tempo e não pude dar a atenção a esse maravilhoso plugin no dia que foi lançado.

Trata-se de uma parceria com a Variety Of Sound e Tokyo Dawn Labs muito bem sucedida, e seguindo a tradição dos outros plug-ins, está sendo distribuído gratuitamente para PC e MAC x86 e x64

Slick EQ Equalizador para Mixagem e Masterização Gratuito

TDR VOS SlickEQ é um equalizador para mixagem/masterização projetados para facilidade de uso, flexibilidade musical e som impecável.

Três filtros e meio dispostos em um Low/Mid/High semi- paramétrico oferecendo acesso rápido e intuitivo de quatro modos de equalização distintas, cada uma representando um conjunto de curvas de EQ distintas e comportamentos. Uma opção de compensação de ganho automático elaborado que atenuam nas mudanças de intensidade percebida durante a operação do EQ . Opcionalmente, SlickEQ permite processar exclusivamente ou a soma estéreo ou diferença estéreo ( ou seja, ” largura de estéreo “) sem codificação adicional soma/diferença.

Para aquecer o material com conteúdo harmônico adicional , SlickEQ oferece um EQ comutável não linear, um estágio de saída com 3 modelos diferentes de saturação . Estas opções são destinadas a oferecer texturas sutis e interessantes , ao invés de distorção óbvia. O efeito é feito para adicionar o “tempero” típico frequentemente associada com equipamentos de áudio de classe A.

Um esquema de processamento de 64 bits multirate avançado praticamente elimina os problemas típicos de implementações de equalização digital, tais como deformação da frequência , distorção de quantização e aliasing.

Ao lado dos controles primários , o plug-in vem com uma série de auxiliares adicionais: Gestão Avançada de presets, undo/redo , rápida comparação A/B, copiar e colar, uma ajuda on-line , as etiquetas editáveis ​​, suporte a mouse-wheel e muito mais.

SlickEQ é um projeto colaborativo pela Variety of Sound (Herbert Goldberg) e Tokyo Dawn Labs (Vladislav Goncharov e Fabien Schivre).
Especificações e características:

– Layout Intuitivo de EQ semi paramétrico, mas flexível
– Destaque, interface de usuário moderna completa com excelente usabilidade e ergonomia
– Cuidadosamente projetado em arquitetura de 64bit estrutura multi-taxa “delta”
– Três bandas com EQ filtro adicional passa-alta 18dB/oct
– Quatro modelos de EQ distintas: “American”, “British”, “German” and “Soviet”, com opcional de não-linearidade
– Quatro estágios de saída: “Linear”, “Silky”, “Mellow” and “Deep”
– Algoritmos avançados de saturação por Vos (“stateful saturation”)
– Volume compensado controle altamente eficaz e musicalmente agradável com ganho automático
– Caminho do sinal oversampled incluindo algoritmos de saturação stateful
– Opções Stereo e soma/diferença de processamento
– Barra de ferramentas com undo/redo, A/B, gerenciamento avançado de presets e mais
– Não importa se você está olhando para este plugin a partir da perspectiva de codificação, a funcionalidade, a qualidade do som ou o design, e facilidade de uso, este plugin é top de linha.

 

DOWNLOAD OSX E WINDOWS

VST, AU E AAX X86, X64

Primeira parte de 3, de nosso artigo sobre Plug-ins para pitch e correção harmonica.

Embora os parâmetros e a tecnologia que nos impulsiona pode ter mudado e evoluído ao longo do tempo, muitos dos efeitos que conhecemos e amamos, ter sido usados por décadas. Reverb delay, distorção, foram todos em uso desde os primeiros dias do estúdio de gravação, mas apenas a magia de vanguarda tecnológica poderia ter produzido o milagre moderno musical que é a correção melódica de uma linha sonora.

A idéia é bastante simples, mesmo que a execução não seja. As frequências dos sinais recebidos são analisados e re-lançado para atender a uma escala predeterminada musical. Synths analógicos têm vindo a fazer coisas como esta, usando aparelhos chamados quantisers, mas estes só funcionam com tensões e não full-on em onda musical. É preciso alguma ciência séria para retirá-la com, digamos, uma passagem vocal, e ainda mais de fazê-lo em tempo real.

É o caso do Antares Auto-Tune pode fazer exatamente isso, examinar e executar monofonicamente os sinais de áudio em sintonia. Quando utilizado com bom gosto, pode economizar tempo e, possivelmente, a sua faixa também. Por que descartar uma performance excelente se apenas uma nota ou duas vacilam? Mais ao ponto, por que perder tempo em outra tomada, especialmente se você está trabalhando em um estúdio profissional, onde tempo é dinheiro?

Se isso soa um pouco mercenário, então você pode ver por que o Auto-Tune se tornou o assunto de muitos debates e controvérsias.

Polêmicas à parte, o Auto-Tune e os muitos plugins de correção de afinação estão aqui para ficar. O mundo está repleto de de belissimas performances, e muitas vezes por músicos que não precisam de tal ajuda. E, claro, alguns produtores descobriram e comercializaram o estranho, empurrando o uso desses plugins para além dos limites de sua utilização, criando efeitos interessantes de vocoder ou algo pareceido.

A primeira aparição desse efeito veio no hit single da Cher, na música Believe (embora até hoje, os produtores estão cautelosos sobre o que foi usado exatamente para obter o efeito, neste caso), este efeito estranho tornou-se generalizado, usado para o ponto do absurdo. É ainda sido aplicada, com a língua firmemente plantados na bochecha, os noticiários e discursos políticos.

Cher - Believe (Offical Music Video) HD-Quality

Com toda a seriedade, ferramentas de pitch-correção podem ser usadas por mais de correção sutil ou fraseado vocal enigmático. Eles podem fornecer uma riqueza de idéias e inspiração se você saber como usá-los.

Nos próximos artigos vamos falar sobre outros softwares de correção harmonica, como o Melodyne, V-Vocal e o GVST, que é uma boa alternativa gratuita.

[1] [2] [3] >>

Olá a todos!

Os atalhos facilitam (e muito) a vida daqueles que trabalham com áudio em um software de gravação, seja para edição, mixagem ou masterização. Nesse vídeo mostro os melhores atalhos do Pro Tools na minha opinião, aproveitem e implementem também no fluxo de trabalho de vocês.

Abraços e até o próximo vídeo!

 

]SDRR foi construído para satisfazer quase todos os seus desejos de saturação. Ele fornece um conjunto completo de controles para manipular o caráter da saturação para torná-lo preciso. SDRR oferece quatro diferentes modos principais: TUBE, DIGI, FUZZ, DESK e reage dinamicamente para o sinal de entrada. Cada modo tem o seu único comportamento crosstalk, que pode ser ligado ou exagerado. A modo de medição RMS único nível de diferença que faz o nível combinando uma tarefa fácil.

SDRR podem ser coisas diferentes: a saturação, um compressor, um equalizador, um bitcrusher, um aparelho de som widener sutil, ou simplesmente adicionar um pouco de movimento para suas músicas com o controle DRIFT. Adicionar um calor, profundidade e caráter para suas trilhas.

Não se esqueça de verificar o Ivgi livre, o que pode ser visto como o irmão mais novo de SDRR. Ele é baseado no modo de mesa em
SDRR. Desde Ivgi é comparável ao SDRR A nível de qualidade, consumo de CPU moderado e sobre aliasing (ou melhor, a ausência de
artefatos de aliasing), é uma boa maneira também de ter uma ideia do que o SDRR vai realizar em seu sistema.

Plug-in de alta qualidade com baixo custo, faço questão de divulgar produtos assim aqui no blog.

Klanghelm SDRR O Camaleão da Saturação

Mais informações: http://klanghelm.com/SDRR.html

formatos

Música utilizada nesse vídeo, Produzida, Gravada e Mixada em meu HomeStudio.
A intenção foi fazer soar bem vintage, então vai dar pra sacar muito bem as nuances dessas saturações. Foi usado o SDRR em vários canais, e inclusive na master, ouça o resultado:

Dica básica sobre o channel strip nativo do Pro Tools

O Avid Channel-Strip é um plug-in AAX de fácil uso e de alta qualidade e com ótimo desempenho permitindo você usar os mesmos algoritmos dos efeitos EQ, Dynamics, Filter e Gain encontrados no console em suas mixagens do Pro Tools.

Recursos

– Trabalhe em materiais de alta resolução – de 44,1 kHz a 192 kHz, de mono a surround 7.1
– Mixe e ajuste parâmetros de forma intuitiva usando os controles padrão de fader e botão
– Ajuste facilmente o gate, a compressão e mais com a exibição do gráfico da curva de transferência de redução de ganho
– Visualize e ajuste as configurações de EQ facilmente (frequência, ganho e Q) usando o gráfico de frequência
– Personalize o caminho do sinal ao reordenar os módulos de processamento de EQ, Filter, Dynamics e Volume conforme necessário
– Acompanhe os níveis através da medição de sinal dedicada
– Ative ou desative os efeitos conforme necessário ao alternar o controle de bypass da exibição FX Chain

Avid Pro Tools Channel Strip [PT-BR]